Notícias - QS

Química Solidária: em Goiás, IFG produz álcool gel para rede de saúde de Goiânia

A campanha Química Solidária do Sistema CFQ/CRQs, que envolve a produção de álcool gel em instituições de ensino para doação, entre outras ações de combate à pandemia de Covid-19, está presente no Estado de Goiás.

O Conselho Regional de Química da XII Região (CRQ XII) informa que há em curso uma iniciativa por parte do Departamento de Química do Instituto Federal de Goiás (IFG) – Campus Goiânia. Nela, um grupo de 10 servidores do Campus está colaborando na produção de álcool em gel 70% INPM para doação à rede pública municipal de saúde de Goiânia.

Por meio de uma parceria com o CRQ XII, o químico e servidor do IFG Marcus Vinícius Ramos foi certificado para assumir a responsabilidade técnica pela fabricação de álcool em gel 70% INPM e álcool 70% glicerinado, com fins exclusivos de doação às entidades. Toda produção será doada à Secretaria Municipal de Saúde e busca atender os profissionais do Hospital Filantrópico Materno de Anápolis, da Vila São Cotolengo, do Centro Estadual de Referência e Excelência em Dependência Química (CREDEQ) e do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Goiás (UFG).

Segundo o presidente do CRQ XII, Luciano Figueiredo de Souza, a iniciativa iniciada em Goiânia poderá se expandir para outros sete campi. O apoio do CRQ XII também tem ido além da mera questão técnica: segundo o presidente, houve a possibilidade de o regional fazer contato com uma empresa goiana que se disponibilizou a doar as embalagens que serão uteis no transporte do álcool da usina até a sede do IF na capital.

“Nossa parceria tem evoluído. Diante do sucesso da iniciativa do campus Goiânia, recebemos contato da reitoria do IF, pedindo para que estendêssemos a Química Solidária para as outras sete unidades”, celebra Figueiredo Souza.

    A campanha Química Solidária

A ações desenvolvidas em Goiás integram a campanha Química Solidária, do Sistema CFQ/CRQs. O objetivo é articular e divulgar em todo país iniciativas para a produção do álcool líquido e álcool gel com o apoio de instituições de ensino, empresas, associações e profissionais da área da Química.

Importante destacar ainda que as atividades de produção obedecem os ditames da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) externados pela RDC 350/2020 e pela nota técnica que a seguiu, detalhando a autorização excepcional e temporária concedida no combate ao Covid-19.

Vale salientar ainda que as atividades da Química Solidária estão sendo desenvolvidas com o mínimo possível de profissionais, uma vez que a orientação do Ministério da Saúde – e outras autoridades – é para que as pessoas fiquem em casa para evitar a disseminação do novo coronavírus.

Também fazem parte da campanha ações para orientar a população e combater notícias falsas.