Notícias

Química Solidária: parceria entrega 800 litros de álcool 70% ao Samu

Trabalho voluntário é primordial para que o trabalho tenha sucesso

A parceria do Conselho Regional de Química da 1ª região (Pernambuco) com a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), a Academia Pernambucana de Química (APQ) e outras empresas e regiões rendeu a doação de 800 litros de álcool  70% ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Graças ao trabalho dos voluntários, as unidades do Samu Recife e Jaboatão, e o hospital de Jaboatão tiveram seus estoques do produto abastecidos na última quinta-feira (30/04).

A presidente do CRQ I, Sheylane Luz, destacou a importância dessa ação para salvar vidas. “Sabemos da luta dos profissionais da saúde no combate à Covid-19 e do quanto eles estão expostos, arriscando suas próprias vidas para salvar a vida das pessoas. Esperamos que essa doação ajude os profissionais que estão nesta batalha”, frisou.

O gerente administrativo financeiro do Samu Metropolitano do Recife, Carlos Eduardo Marques de Macedo, participou do momento da entrega. “A nossa sede faz a regulação do atendimento de uma região muito abrangente. Esse álcool será utilizado para higienização da central, das viaturas e para os colaboradores”, explica. Macedo agradeceu a doação que, segundo ele, ajudará no combate ao novo coronavírus. A sede recebeu 500 litros de álcool 70%. Já a unidade de Jaboatão 200 litros e o hospital do mesmo município, 100 litros.

O CRQ I agradece a cooperação de tantas empresas e destaca a importância do trabalho dos voluntários. “Gostaria de expor meus agradecimentos aos voluntários. Sem eles nada disso seria possível”, disse a presidente. Ela agradeceu também às empresas parceiras que doaram matéria-prima e cederam pessoal, além de auxiliarem na logística e transporte do material.

Sobre a campanha

A campanha Química Solidária, do Sistema CFQ/CRQs, tem por objetivo articular, em todo o país, iniciativas para a produção do álcool 70% com o apoio de instituições de ensino, empresas, associações e profissionais da Química. Ações para orientar a população e combater a desinformação também fazem parte do projeto.
As ações são desenvolvidas com o mínimo possível de profissionais, uma vez que a orientação do Ministério da Saúde – e outras autoridades – é para que as pessoas fiquem em casa para evitar a disseminação do novo coronavírus.
O avanço da campanha é divulgado pelo CFQ em seus canais oficiais e nas redes sociais pela hashtag #QuímicaSolidária.