Notícias

Química Solidária: iniciativas em diversas universidades distribuem álcool gel no Paraná

A solidariedade e a mobilização dos profissionais químicos para produzir álcool gel e distribuir a quem precisa formou uma corrente que envolve instituições de todo o Estado. Segundo o Conselho Regional de Química da 9ª Região (CRQ IX), as iniciativas se multiplicam em diversos campi especialmente da Universidade Federal do Paraná (UFPR) e da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR).

De acordo com o presidente do CRQ IX, Dilermando Brito Filho, as instituições do Estado estão produzindo tanto o álcool gel quanto o álcool líquido 70%.

“Temos iniciativas em várias unidades. No caso da UFTPR, temos informação de que há produção em Curitiba e em Pato Branco, onde com uma parceira entre a Universidade e uma Fundação, que está viabilizando tanto o álcool líquido quanto o álcool gel”, afirma Brito Filho.

A Universidade Estadual de Londrina (UEL), acrescenta o presidente, forneceu mais de 1.300 litros de álcool 70% com glicerina e corante (para distingui-lo de álcool sem glicerina), para a polícia militar do Estado do Paraná. O propósito é a desinfecção de viaturas e mãos dos policiais.

 

Na UEL, a ação teve a participação do chefe do departamento de Química, Mario H. Montazzolli Killner, além do professor Luiz Henrique Dall’Antonia e da técnica Ivanira Moreira, além dos alunos.

Brito Filho assinala ainda que muitas instituições de ensino estão se organizando para produzir em vários pontos do Paraná e que o CRQ IX oferece orientação quanto às exigências da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para a produção de álcool e álcool gel nas instituições: a RDC 350/2020 e a nota técnica que a seguiu, detalhando a autorização excepcional e temporária concedida à atividade.

                    A campanha Química Solidária

Ações como as implementadas no Paraná vêm ao encontro do proposto pela campanha Química Solidária, do Sistema CFQ/CRQs. O objetivo é articular e divulgar em todo país iniciativas para a produção do álcool líquido e álcool gel com o apoio de instituições de ensino, empresas, associações e profissionais da área da Química. Também fazem parte da campanha ações para orientar a população e combater notícias falsas.

Vale destacar que as atividades da Química Solidária estão sendo desenvolvida com o mínimo possível de profissionais, uma vez que a orientação do Ministério da Saúde – e outras autoridades – é para que as pessoas fiquem em casa para evitar a disseminação do novo coronavírus.