Notícias

Anuário traz vencedores e exercícios das Olimpíadas de Química

Saiu o anuário 2019 do Programa Nacional Olimpíadas de Química (OBQ). Com tiragem de 15 mil exemplares, o livro registra os estudantes premiados nas diferentes modalidades da disputa e reúne os exercícios adotados na corrida por medalhas. A publicação será enviada gratuitamente às escolas participantes das Olimpíadas em todo o Brasil, bem como às secretarias estaduais e municipais de Educação que atuaram em parceria com a organização do torneio acadêmico.

Em 2019, a competição ganhou apoio do Conselho Federal de Química (CFQ). O presidente da entidade, José de Ribamar Oliveira Filho, participou da cerimônia de premiação dos estudantes, realizada em 29 de novembro na Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (USP).

“Nós, do Conselho Federal de Química, órgão criado para zelar pela ética e pelas boas práticas na nossa área, reconhecemos a relevância do trabalho dos organizadores das Olimpíadas e saudamos todos os competidores”, diz Oliveira Filho em mensagem publicada nas páginas 5 e 6 do anuário. “Ao mesmo tempo em que perseguem os melhores resultados, muitos desses jovens começam a abraçar com determinação a ciência que amamos”, emenda o presidente do CFQ.

Integrante da Comissão de Premiação e Eventos do CFQ, a conselheira federal Suley Schuh ressalta que essa foi a primeira vez que o Conselho esteve representado na solenidade de premiação nacional das Olimpíadas, por meio do seu presidente.

“É muito importante a presença do presidente do CFQ no evento, para que os futuros profissionais tenham consciência da entidade a que eles vão se filiar”, avalia Suely. “O CFQ deve continuar apoiando as Olimpíadas, que despertam o interesse das crianças e dos jovens pela Química, revelando talentos que serão professores, pesquisadores e profissionais da Química no Brasil”, sustenta a conselheira.

O coordenador do OBQ, Sergio Melo, considera que a edição deste ano do torneio acadêmico foi “excelente” e destaca o apoio dado pelo Conselho Federal de Química.“A parceria com o CFQ deixou-nos mais seguros quanto à sustentabilidade financeira do projeto, dando tranquilidade para seguir o calendário”, observou Melo, já engajado na organização das Olimpíadas de 2020.

Para os estudantes premiados neste ano, as celebrações continuam. Nas próximas semanas, novos eventos ocorrerão em diferentes estados. “Muitos alunos não tiveram como viajar até São Paulo, e vamos dar a eles a oportunidade de receberem o prêmio nas solenidades estaduais”, explica Sergio Melo. O calendário das premiações será informado no site da OBQ até a semana que vem, sujeito a atualizações. O endereço eletrônico é www.obquimica.org.

O site também receberá, nos próximos dias, uma versão digitalizada do anuário do Programa Nacional Olimpíadas de Química, para que qualquer pessoa possa consultá-lo. Os problemas de Química usados na competição são acompanhados das soluções e podem ser aproveitados como material didático por professores e estudantes, além de servirem como amostra do nível de dificuldade do torneio.